Home » Main » Como solicitar o saque do FGTS para quem mora no exterior?

Como solicitar o saque do FGTS para quem mora no exterior?

Se você é um trabalhador brasileiro regido pela CLT, mas por algum motivo está fora do país, a Caixa facilita a liberação do saldo FGTS no exterior, permitindo o saque sem que seja preciso o seu retorno ao país. Para isso, deve atender a pelo menos há algumas determinações da Instituição financeira, como por exemplo Contrato de trabalho rescindido pelo empregador, sem justa causa. Ao longo do texto, você verá todas as condições.

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, mais conhecido pela sigla FGTS, foi criado com o objetivo de proteger o trabalhador demitido sem justa causa, mediante a abertura de uma conta vinculada ao contrato de trabalho. No início de cada mês, os empregadores precisam depositar, em nome de seus funcionários, o valor correspondente a 8% do salário de cada funcionário. O FGTS é constituído pelo total desses depósitos mensais e os valores pertencem aos empregados.

Continue acompanhando esse artigo para que você aprender a consultar saldo FGTS, entre outras informações do benefício. Saiba agora mesmo!

Quem tem direito ao saque do FGTS no exterior

Tem direito ao saque do saldo FGTS o trabalhador titular de conta vinculada FGTS residente no exterior que atender a pelo menos uma das seguintes condições:

  • Contrato de trabalho rescindido pelo empregador, sem justa causa.
  • Extinção normal do contrato de trabalho a termo.
  • Aposentadoria concedida pela Previdência Social.

FGTS 1

  • Permanência do trabalhador por três anos ininterruptos fora do regime do FGTS, neste caso, sendo permitido o saque a partir do mês de aniversário do titular da conta.​
  • Permanência da conta vinculada por três anos ininterruptos sem crédito de depósito, para afastamento ocorrido até 3/7/1990.
  • Saque das Contas Inativas do FGTS, de acordo com a Lei 13.446/17, para todo trabalhador que pediu demissão ou teve seu contrato de trabalho finalizado por justa causa até 31/12/2015. (O prazo para requerer o saque das contas inativas findou-se em 31/07/2017).

Como solicitar o FGTS no exterior

Para consultar o saldo FGTS e obter informações relativas à conta vinculada, o trabalhador poderá solicitar um extrato da conta vinculada FGTS no endereço eletrônico www.caixa.gov.br/fgts, cadastrando uma senha, no caso de primeiro acesso ou também um extrato fornecido nas agências da CAIXA no Brasil por meio de procuração constituída especificamente para este fim pelo titular da conta. Veja abaixo os passos para que você faça solicitação do benefício.

Passo 1: Verifique se possui saldo disponível no site da Caixa em http://www.caixa.gov.br/fgts/index.asp. Para isso, precisará conhecer o seu número de PIS/PASEP.


Passo 2: Baixe, preencha e imprima o formulário “Solicitação de Saque FGTS” do site. No link “Documentos para download”, buscar a opção “Formulário e Instruções para Preenchimento”.

FGTS 2


Passo 3: Apresente-se neste Consulado-Geral, portando um documento de identificação original com foto (passaporte ou RG) e o formulário de “Solicitação de Saque FGTS preenchido.


Passo 4: Assinatura do formulário para reconhecimento de firma.


É importante citar que os cidadãos brasileiros somente devem assinar o formulário na presença do agente consular do consulado brasileiro.

Documentação necessária

Para conseguir sacar o benefício é necessário que o trabalhador apresente cópia simples de todos os documentos exigidos, inclusive das páginas necessárias da Carteira de Trabalho, do Passaporte, RG, entre outros documentos. Cópias de documentos estrangeiros como passaporte, por exemplo, devem ser autenticadas por tabelião e apostiladas.

Além de documentos pessoais de identificação com foto, são exigidos documentos específicos, dependendo da circunstância em que o trabalhador solicitar o saque do FGTS. Veja a seguir alguns dos documentos exigidos:

Documentos para todas as condições:

  • Documento original de identificação válido com foto (RG ou Passaporte brasileiro) OU cópia do documento estrangeiro autenticada em tabelião e apostilada;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social original;
  • Número de inscrição no PIS/PASEP;
  • Formulário preenchido: baixe a versão em português ou a versão em inglês (english version).

Documentação Complementar

  • No caso de alteração de nome do trabalhador, enviar documentação que a comprove (ex.: certidão de casamento);
  • No caso em que haja informação constante da página de “Anotações Gerais” da CTPS referente ao contrato que esteja sendo solicitado, enviar cópia para subsidiar a análise;
  • No caso de extravio da CTPS, deverá ser feita declaração por escrito, conforme a seguir: “Declaro, para fins de saque dos saldos de contas vinculadas FGTS, por motivo de extravio da minha Carteira de Trabalho, que mantive relação de emprego com as empresas e nos períodos identificados na presente solicitação.”

Para conhecer a documentação completa basta acessar o site da Caixa.


Esperamos que este post tenha sanado todas as suas dúvidas referentes ao saldo FGTS, mas caso ainda tenha restado algumas, por favor, deixe uma mensagem para possamos responder o mais rápido possível.